Mesquita Online
Notícias de Mesquita todo dia

Fundação CECIERJ inaugura polo CEDERJ em Mesquita

Receba as matérias da sua cidade em primeira mão no seu smartphone ou tablet. WhatsApp CLIQUE AQUI ou Telegram CLIQUE AQUI

Com a presença dos calouros dos cursos de graduação a distância em Administração (UFRRJ) e Geografia (UERJ), a Fundação Cecierj inaugurou na manhã deste sábado, 1 de fevereiro, o Polo Cederj Mesquita, a primeira unidade de ensino superior do município da Baixada Fluminense. A solenidade foi conduzida pelo Presidente da Fundação Cecierj, Gilson Rodrigues, ao lado do Secretário de Estado de Ciência, Tecnologia e Inovação, Leonardo Rodrigues, e do Deputado estadual Rodrigo Amorim. Estiveram presentes também autoridades locais, professores, integrantes da direção e do corpo técnico da Fundação.

A inauguração faz parte da programação de celebração dos 20 anos do Consórcio Cederj, que tem atualmente 50 mil alunos matriculados em suas unidades de ensino superior a distância em todo o estado do Rio de Janeiro. O polo Cederj Mesquita oferece cursos de graduação a 90 alunos; 40 no curso de Geografia, oferecido pela UERJ; e 50 no de Administração, pela UFRRJ. A abertura aconteceu às 9h, na Avenida Getulio de Moura, 1.282, Edson Passos, Mesquita.

Foto: Divulgação

“Estamos aqui para atender, para fazer o melhor, para chegar aonde queremos chegar de forma coerente, responsável e dinâmica, dando cada vez mais condições para as pessoas crescerem, evoluírem e conseguirem o seu lugar ao sol”, disse o presidente Gilson Rodrigues, em seu discurso de saudação aos alunos e professores, e de agradecimento ao Secretário Leonardo Rodrigues, pelo empenho de facilitar os meios para que a Fundação Cecierj amplie o sua atuação no ensino a distância em todo o estado do Rio de Janeiro.

Gilson Rodrigues fez questão também de ressaltar a colaboração do Deputado Rodrigo Amorim, por meio da Alerj, com os recursos necessários para que o órgão possa continuar a investir na abertura de novos polos do Cederj.

Em seu discurso, o secretário Leonardo Rodrigues fez questão de ressaltar a gestão do presidente Gilson Rodrigues à frente da Fundação Cecierj:

“Agradeço ao Gilson pelo grande trabalho que ele vem desenvolvendo na Fundação Cecierj. Ele recebeu a missão de reerguer, repaginar, de transformar a instituição, de mostrar para população a capacidade que essa Fundação tem de transformar a vida das pessoas, trabalho que ele vem fazendo com uma equipe muito qualificada”, disse o Secretário lembrando do pedido que fez ao deputado Rodrigo Amorim, presidente da Comissão de Orçamento da Alerj, para que ele aumentasse o orçamento da Fundação Cecierj, proporcionando a abertura de novos polos do Cederj:

“Nós queremos dobrar a quantidade de polos do Cederj. Mesquita nunca teve um curso superior. É a primeira vez na história que a população dessa cidade não vai precisar se deslocar daqui para fazer um curso de ensino superior”, completou o secretário Leonardo Rodrigues.

Foto: Divulgação

Rodrigo Amorim disse que não faltarão recursos para que a Fundação Cecierj continue a sua missão de entregar ensino público de qualidade à população do Rio de Janeiro:

“Muitos investimentos virão, outras inaugurações irão acontecer. Quero agradecer o trabalho do presidente Gilson Rodrigues, que talvez seja uma das figuras mais respeitadas no governo do estado, por tudo que está fazendo nesta gestão, e outras que realizou no passado, por ser ele uma pessoa séria, um trabalhador que efetivamente está entregando soluções e elevando a Fundação Cecierj a patamares nunca antes alcançados”, declarou.

Polo Cederj Mesquita

O novo polo passa a funcionar no mesmo prédio onde se encontra instalada a Faetec local, fator que caracterizará o Cederj como uma unidade de ensino integrada, com oferta de graduação superior nos cursos de Administração e Licenciatura em Geografia, além de ensino técnico.

A abertura de mais um polo ressalta o compromisso do Consórcio Cederj com um de seus principais objetivos, que é levar educação pública e de qualidade para todo o estado do Rio de Janeiro. Com essa missão, nesses 20 anos de funcionamento, o projeto já contribuiu para a formação de mais de 16 mil alunos, contando com a atuação de cerca de 7 mil profissionais de educação.

você pode gostar também
Comentários
Loading...

Este site utiliza cookies para melhorar sua experiência. Nós garantimos que está tudo certo com isso, mas você pode não desejar isso. Aceitar Saiba Mais